Nos últimos dias, trouxemos por aqui novidades das coleções do Grupo Malwee, gestor de marcas de moda que está hoje entre as principais empresas de moda do Brasil e é uma das mais modernas do mundo. 

Ao contrário do que se pensa, a companhia não começou dedicada à moda. A trajetória de empreendedorismo do Grupo começou em 1906, em Jaraguá do Sul (SC), dedicada a atividades industriais e comerciais. Foi a partir dos anos 1960 que Wolfgang Wegee, fundador do Grupo, vislumbrou esse mercado em expansão no país e, tendo contato com as necessidades do comércio na esfera do vestuário, resolveu desativar o frigorífico para dar lugar a uma malharia. 

O processo de transição durou quatro anos, mas, para a época, a empresa adotou uma postura inovadora para alcançar metas difíceis de serem conquistadas no período, como: qualidade, durabilidade e garantia nos prazos de entrega. No início, cabia ao filho de Sr. Weege, Wandér, desbravar o Brasil para comercializar a produção. Horas de ônibus de Jaraguá do Sul a São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia.

A produção começou mesmo em 1968, quando a primeira carga de fios chegou e iniciaram os alvejamentos. Três meses depois, havia tinturaria, estamparia, alvejamento e cores claras para tingimento. Com o Sr. Weege no comando e o recém-formado Wandér responsável pela produção técnica, iniciou-se a fabricação voltada exclusivamente para a linha infantil. A equipe inicial era composta por apenas quatro pessoas: uma na tecelagem e tinturaria, uma no corte, uma na costura e outra no acabamento.  

Anterior à denominação ‘Grupo Malwee’, o nome da empresa surgiu em uma conversa entre a família e da junção das palavras ‘malha’ e ‘Weege’, dando origem a: ‘Malwee’. O primeiro logo da companhia também foi desenhado pelo próprio Sr. Weege. 

Foi com a moda infantil que a malharia atuou durante toda a década de 1970 e, apesar de enfrentar situações difíceis, os empreendedores não se abalaram e continuaram investindo no negócio. Conforme relata Sr. Weege, no livro de 50 anos do Grupo Malwee, na primeira coleção a ser comercializada, a modelagem não estava boa e as roupas não serviam nos bebês. A equipe permaneceu focada em promover melhorias e, no oitavo ano de produção, evoluiu mais do que imaginava, com o propósito de vestir toda a família, com produtos adultos e infantis. 

Conforme os anos passavam, mais e mais funcionários chegavam para ajudar na malharia. Muitos colaboradores vinham atraídos por anúncios feitos na rádio e, desde os primeiros anos, consideravam a Malwee uma faculdade, pois tinham a oportunidade de aprender e contribuir com o desenvolvimento da companhia. A primeira costureira, por exemplo, foi Elvira Piccoli Gerent. Ela conta que as máquinas de costura eram customizadas para oferecer o máximo de conforto às funcionárias. As luzes eram direcionadas corretamente, as cadeiras adequadas e confortáveis e até uma placa extra foi acoplada aos equipamentos para que as colaboradoras não recebessem o vento gelado do motor nas pernas. 

No décimo ano, a Malwee Malhas era composta por 780 funcionários e toda a produção era verticalizada. Apenas o fio de algodão era comprado fora. O restante era produzido na matriz de Jaraguá do Sul. 

O grande crescimento da produção ocorreu, sobretudo, a partir de 2012, quando o Grupo decidiu tornar-se um gestor de marcas. Segundo essa estratégia, a companhia criou e adquiriu novas marcas, como a Scene, Liberta e, em 2014, a Wee!, para vestir todos os corpos e oferecer uma moda para todos os momentos, e investiu na abertura de lojas. Atualmente, a companhia possui 5,5 mil colaboradores, quatro unidades fabris e está presente em 24 mil pontos de venda multimarcas e 82 lojas monomarca.  

Até os dias de hoje, a matriz concentra os setores de administração, tinturaria, corte, confecção, estamparia, bordado, dobração, expedição e desenvolvimento de produto. Em todas as cinco unidades, o Grupo conta com profissionais capacitados que, por meio de pesquisas constantes no Brasil e exterior, estudam as tendências de moda e de mercado, adaptando-as na elaboração das coleções. Novas cores, formas e texturas se fundem com criatividade e tecnologia de ponta, oferecendo ao consumidor produtos personalizados e com qualidade. 

Quer conhecer cada capítulo desta história e cada personagem-chave na criação de uma das principais empresas de moda do Brasil e uma das mais modernas do mundo? Clique aqui para conferir os detalhes e de uma trajetória intimamente relacionada ao respeito às pessoas, aos cuidados com o meio ambiente e à crença na capacidade criativa e empreendedora dos brasileiros.

Comentários